top of page

A influencia da Igreja Católica no Serviço Social


A influência da Igreja Católica na história do serviço social remonta aos primórdios da profissão. Desde a Idade Média, a Igreja Católica esteve envolvida em atividades de caridade e assistencialismo aos mais pobres e necessitados. A Igreja desempenhou um papel fundamental no desenvolvimento do serviço social moderno, principalmente na Europa Ocidental, onde as primeiras escolas de serviço social foram estabelecidas.

No século XIX, a Igreja Católica continuou a desempenhar um papel importante no desenvolvimento do serviço social, especialmente na Europa. Na Inglaterra, a Igreja Anglicana e a Igreja Católica estavam envolvidas na criação de hospitais, asilos, abrigos e escolas. Na França, a Igreja Católica criou diversas instituições de caridade , além de ter influenciado a criação da primeira escola de serviço social em Paris, em 1896.

Na América Latina, a Igreja Católica também desempenhou um papel importante no desenvolvimento do serviço social. Durante a década de 1950 e 1960, a Igreja Católica latino-americana se envolveu na luta pelos direitos dos pobres e marginalizados, tornando-se uma voz importante na luta por justiça social. O movimento da Teologia da Libertação, que se originou na América Latina, foi fortemente influenciado pelos ensinamentos da Igreja Católica e levou à criação de muitos programas de serviço social em toda a região.

Além disso, a Igreja Católica tem uma longa tradição de formação de trabalhadores sociais. Muitas congregações religiosas, como os jesuítas e as irmãs de caridade, estiveram envolvidas na formação de trabalhadores sociais desde o século XIX. A formação oferecida pelas instituições religiosas era baseada em valores cristãos do neotomismo e enfatizava a importância da caridade e da justiça social.

No entanto, a influência da Igreja Católica na história do serviço social também tem sido objeto de críticas. Alguns argumentam que a abordagem caritativa da Igreja Católica não é suficiente para enfrentar os problemas estruturais da pobreza e da desigualdade social. Além disso, alguns criticam a abordagem moralista da Igreja em relação a questões como sexualidade e reprodução, que pode limitar a atuação dos profissionais de serviço social.

Apesar das críticas, a influência da Igreja Católica na história do serviço social é inegável.


Domine Fundamentos Históricos e Metodológicos do Serviço Social e seja uma servidora pública!

Saiba agora como você pode otimizar o seu estudo, aprender muito mais rápido de forma simples e ainda ter mais tempo livre!


387 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page